405 municípios de Alagoas, Paraíba e Pernambuco aderem ao Selo UNICEF

09/08/2021

Os estados de Alagoas, Paraíba e Pernambuco terão, juntos, 405 municípios participando da edição 2021-2024 do Selo UNICEF, iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para estimular e reconhecer avanços reais e positivos na promoção, realização e garantia dos direitos de crianças e adolescentes que vivem nos municípios localizados nas regiões do Semiárido e da Amazônia Legal brasileira. A mobilização para adesão à iniciativa encerrou neste domingo (8) e garantiu que a meta de participação nos três estados fosse ultrapassada em mais de 32%.

Em Alagoas, das 74 cidades aptas a participar, 70 assinaram o termo de adesão. Já na Paraíba, 217 municípios aptos, 202 fizeram a adesão. Em Pernambuco o resultado também foi bastante positivo: 133 das 145 cidades aptas assinaram o termo. Até o dia 16 de agosto, o UNICEF irá anunciar a lista com todos os municípios inscritos no Selo UNICEF, inclusive com os nomes das cidades não elegíveis que solicitaram participação.

"Parabenizamos todos os municípios que fizeram a adesão e nos colocamos inteiramente à disposição das gestões municipais para fortalecer as políticas públicas e reduzir as desigualdades que afetam a vida de crianças e adolescentes do nosso Semiárido e apoiar toda a rede envolvida, contribuindo em ações de mobilização social, articulação, processos de capacitação e suporte técnico especializado", disse Graça Lima, coordenadora de projetos da Asserte, parceira implementadora do Selo UNICEF em Alagoas, Paraíba e Pernambuco.

Desde o dia 15 de junho, quando a 2021-2024 do Selo UNICEF foi lançada nacionalmente, a ASSERTE e sua equipe técnica, com apoio de parceiros estaduais envolvidos na rede de garantia de direitos de crianças e adolescentes, vêm realizando ações para incentivar a adesão. Neste período, foram promovidas reuniões, lançamentos estaduais do Selo UNICEF, o Dia D de Adesão ao Selo UNICEF nos três estados, entre outras atividades. "Nossa proposta de trabalho é oferecer ao município todo o suporte necessário para execução das ações que priorizem a garantia de direitos de crianças e adolescentes, nas áreas da saúde, educação, participação social e proteção contra a violência, com base na metodologia proposta pelo Selo UNICEF", ressaltou Graça Lima.

Sobre a ASSERTE - A ASSERTE é uma organização da sociedade civil do Nordeste brasileiro, com sede em João Pessoa (PB), comprometida com a justiça social, efetivação e alargamento dos direitos humanos, sobretudo de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. Tornou-se parceira implementadora do Selo UNICEF na edição 2017-2020 e mantém a parceria na edição 2021-2024 nos estados de Alagoas, Pernambuco e Paraíba, área de abrangência do escritório UNICEF RECIFE, desenvolvendo atividades de mobilização social, articulação, monitoramento, processos de capacitação e suporte técnico especializado.